Rito Antigo e Primitivo de Memphis Misraïm



Um Rito antigo, com mais de 200 anos, que suscita um vivo interesse e tem obtido um grande desenvolvimento a nivel internacional. Fiel aos seus princípios de base, ele se afirma como um Rito tradicional, simbólico, espiritualista, de tolerância e de liberdade.

Penetrando no Rito Antigo e Primitivo de Memphis-Misraim, colocais o pé sobre o caminho de Tradição, do respeito aos valores humanistas e da tolerância. Este Rito se carateriza por uma busca iniciática sob uma orientação Espiritualista e Deísta, tendo por vocação conservar e transmitir a reflexão filosófica, os símbolos do Egito antigo e das diferentes correntes que marcaram a nossa civilização (Hermética, Gnóstica, Cabalística, Templária e Rosa+Cruz), sendo uma busca de livre reflexão para a compreensão melhor de si mesmo e da humanidade. Tal é o espírito da Maçonaria de tradição que entende haver em cada ato o visível e o invisível, o positivo e o negativo, um presente fugidio, ou mesmo inexistente, trazendo já o germe do seu futuro. Os Franco-maçons deste Rito são convidados a refletir. É proposto um aprendizado e uma metodologia fundados sobre o conhecimento dos símbolos, instrumentos vivos que, numa dinâmica constante, recoloca em questão o já adquirido. Assim, segundo a tradiçâo do Rito, o Maçom "talha a sua pedra" continuamente para afinar a sua percepção e desenvolver o seu discernimento. Ele se dirige ao interior de cada um numa rica experiência intimista que, por ressonância, modifica o exterior fazendo evoluir os seus conceitos e a sua visão do mundo, pois está comprometido com a maior aventura possível, a conquista de si mesmo.



Fonte: iss-ic-memphis-misraim.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário